quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Governo Salame inicia ataques aos trabalhadores em Educação! Agora é pra valer!

Caros filiados,


O primeiro Ato Público realizado este ano pela categoria foi motivado pelo medo a uma série de medidas anunciadas pelo Secretário de Educação, sendo as principais: a suspensão da licença prêmio, licença para estudos e remoção de servidores.
Além disso, decidimos paralisar porque o Governo, sem negociar com os SINDICATOS, decidiu suspender o pagamento das horas extras de servidores de apoio de toda a rede municipal, condenando assim centenas de trabalhadores a uma situação ainda mais degradante!
Como se isso não fosse o bastante, no mês passado, vários servidores ficaram sem pagamento porque a Diretoria de Recursos Humanos não sabia onde esses servidores estavam lotados e neste mês mais servidores continuarão sem receber pagamento porque estavam cedidos para outras Secretarias!
Como se nada disso fosse o bastante, o Governo agora está exigindo ATESTADO MÉDICO ORIGINAL, tentando com isso coibir os trabalhadores, já que muitos trabalham em mais de uma rede e os médicos não assinam mais de um atestado!
Essa não é a verdadeira mudança, caros filiados, isso é a continuação aperfeiçoada da política contra qual sempre lutamos!
Nosso primeiro ato público contra essas atitudes foi duramente castigado com o desconto do dia da paralisação e agora não será diferente, nós vamos paralisar porque o governo está nos deixando sem opção! A falta certamente será descontada, porque é assim que atuam os Governos tiranos!
Amanhã, dia 30 agosto de 2013, deveremos dizer não a tudo isso! Deveremos preparar a categoria para machar novamente contra as mesmas práticas que sempre perseguiram a classe trabalhadora!
 
Durante o dia de paralisação, vamos deliberar pela ocupação da SEMED! Vamos exigir uma mudança de postura deste governo!

Retroativo do PISO!

Caros filiados, 

Algumas questões precisam ser esclarecidas sobre o retroativo do PISO! 
Primeiro, nós não temos acesso aos contracheques dos servidores!
Segundo, nós não sabemos qual o ano de posse de todos os servidores, o que também faz com que o retroativo seja diferente!
O que sabemos é que a primeira parcela foi de um valor e a segunda foi de um valor diferente para menos. 
Nós vamos procurar a SEMAD para obter as informações necessárias, caso o filiado não queira esperar, o mesmo pode se dirigir a SEMAD que eles deverão explicar o que aconteceu.
 Nós vamos reunir novamente esta tarde no SINTEPP para fazer os cálculos que já fizemos aqui neste blog para tentar entender o que aconteceu!
Até o momento o que está parecendo é que foi feito um desconto do IPASEMAR somente agora na segunda parcela, conforme já acontece com o 13º SALÁRIO! Mas nós ainda precisamos confirmar esta informação!
Considerando que a amanhã é dia de paralisação, estamos sem tempo para responder os anônimos de plantão, mas nós vamos postar em breve uma resposta para mais este problema.

E O PAGAMENTO...?

Mais uma vez fica claro a falta de credibilidade nas informações prestadas pela equipe do atual governo e sua equipe de secretários. Sei que muitos servidores foram ao banco hoje a fim de sacarem o seu pagamento, pois, segundo anunciado aqui neste blog, o secretario da administração confirmou que o pagamento sairia hoje, quinta-feira, dia 29/09; no entanto, aqueles que fizeram compromissos contando com isso teve a decepção de ver saldo zerado em sua conta. Isso mesmo, o pagamento não saiu. A expectativa é que saia depois das 18 horas. Vamos esperar que seja assim, pois amanhã, sexta-feira, dia 30/08, todos os bancários estarão participando da Paralisação Nacional, ficando impossível resolver qualquer situação de atendimento. 

terça-feira, 27 de agosto de 2013

Paralisação Nacional!

 

   Boletim Especial da Paralisação Nacional

Caros filiados da Rede Estadual e Municipal de Ensino,


Compreendemos que o momento é de luta e de bastante apreensão em relação as nossas pautas e conquistas. A questão da hora atividade é uma reivindicação que unifica todos os profissionais do magistério, uma vez que tanto a Rede Estadual quanto a Rede Municipal não conseguiu avançar na garantia da hora atividade já aprovada em Lei Federal.
Em Marabá, o PLANO DE CARGOS CARREIRA E REMUNERAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO está sendo colocado em “xeque” pelo atual Governo, entendendo este que o fruto da nossa luta está repleto de exageros! Hoje, com o aumento dado ainda em 2012, o Prefeito ganha R$ 25.000,00; o vice R$ 15.000,00; os Secretários R$ 9.000,00 e os vereados R$ 10.000,00!
Um professor hoje, se conseguir ser aprovado numa prova de Mestrado, e depois de estudar 02 anos, passará a ganhar aproximadamente R$ 5.000,00 com base no nosso atual PCCRPE, que garante uma valorização de 100%! Ou seja, depois de 05 anos na Universidade cursando a Graduação e mais 02 anos cursando Mestrado, não merecemos a justa Valorização?! Diferente deles, nós estudamos para ser valorizado!
Precisamos Unificar a nossa luta! Este ano o nosso PCCRPE da Rede Municipal está completando 02 anos e nós vamos iniciar a luta em defesa deste Plano aderindo a PARALISAÇÃO NACIONAL DOS TRABALHADORESM EM EDUCAÇÃO! Todos juntos, REDE ESTADUAL E MUNICIPAL!

  • Contra as remoções dos servidores!
  • Contra a retirada e diminuição de direitos!
  • Por melhores condições de Trabalho!
  • Pela hora atividade conforme proposta dos trabalhadores!
  • Pela unificação de nosso PCCR municipal e Estadual!
  • Pelo fim do Assédio Moral!
  • Por um atendimento digno pelo PAS!
  • Pela Eleição Direta dos Diretores com a participação de todos os PROFISSIONAIS DO MAGISTÉRIO

Paralisação Nacional, Já!


Concentração: Em frente à Escola Plinho Pinheiro, a partir das 08:30 da manhã!


Data: 30 de agosto de 2013!